13 outubro 2009

31 semanas

Hoje, completamos as 31 semanas de gravidez. De dia para dia, sinto-a cada vez maior e mais activa! Por esta altura, digerir uma refeição normal é praticamente impossível. Aquilo que ingiro ao lanche também tem servido de jantar! Ela está grande e obriga-me a andar sempre direita. Ou tem os pezitos no meu estômago, ou nas costelas ou então é a cabeça que está contra os ossos ilíacos e não me deixa caminhar! É uma verdadeira contorcionista, a nossa filha!
(A barriga às 31 semanas e 0 dias)

Dormir é outra tarefa impossível. Primeiro que encontre uma posição que lhe agrade a ela e seja possível para mim, passo várias horas a rebolar na cama! De manhã, acordo com "patas" de elefante, as mãos e os pés ficam terrivelmente inchados! Não me estou a queixar, faz parte da aventura da maternidade mas, não é a parte mais confortável, confesso!

Na próxima 6.ª feira temos ecografia marcada e vamos ver de novo a nossa princesa. A médica que nos tem feito as ecografias não é a pessoa mais simpática nem comunicativa mas é tecnicamente competente, o que me deixa descansada. Para a semana, às 32 semanas, teremos consulta com a nossa obstetra e, com ela, tiro todas as dúvidas e esclareço os aspectos mais importantes das ecografias. É o que me vale!
Esta semana, o pré-papá faz 37 aninhos, precisamente no dia da ecografia. Tenho que ir procurar inspiração para o jantar de aniversário e para uns docinhos bons. Eu, que adoro cozinha e doçaria, ando muito desinspirada! Isto de passar todos os dias, enfiada em casa, cansa que se farta! Já não há pachorra!

Agora, em tom de desabafo, digam-me: Como que é que vocês lidavam com um vizinho metediço e desocupado que tem o desplante de nos vir dizer que não acha nada estético, o trabalho que estamos a fazer no nosso jardim!?!
Passo a explicar: Quando compramos o apartamento, o jardim que temos nas traseiras e que é individual de cada condómino, não estava vedado. Ora, a nossa cadela, que é inteligente mas, também é atrevidota, cada vez que a deixamos ir ao jardim, invade sempre os jardins contiguos! Para resguardar os jardins dos vizinhos, vedar o acesso a uma vala de água com cerca de 1,5 mts de altura (que no Inverno enche!) que fica no fundo dos jardins e, para conseguir alguma privacidade resolvemos colocar rede à volta do nosso espaço! Obrigação do empreiteiro que, se escusou com uma questão técnica e nos entregou os apartamentos sem vedar os jardins, mesmo com o perigo da vala de água! Com a colocação da vedação, não estamos a transgredir nenhuma regra do condomínio, uma vez que, os jardins e terraços nas traseiras dos R/c do prédio, pertencem aos respectivos apartamentos R/c e não há nenhuma regra nos estatutos do condomínio que nos impeça de o fazer. Tivemos esse cuidado!

Ora, o indivíduo resolveu abordar o R. à saída do prédio informando-o que não considerava a vedação que estamos a colocar, muito estética e que achava melhor colocarmos uma coleira electrificada na cadela, para que ela não passasse para os jardins contíguos! E mais, disse ao R. que tinha desenhado um esquema do nosso jardim e que nós nos tinhamos precipitado ao colocar a vedação, sem termos falado com ele antes!!!
Há alguns meses atrás, estava eu no jardim morta de trabalho a cavar para por 2 sicas e uma magnólia na terra, mais uns vasos com umas plantinhas simples mas, coloridas e estava o indivíduo na varanda a observar o meu trabalho. No fim, disse-me que não achava nada bem colocarmos árvores e plantas no jardim, que achava mais bonito o espaço só com relva verde e que a nossa opção só dava trabalho!

Como é que se atura uma criatura destas, mantendo um bom ambiente de vizinhança?
Fiquei tão enervada com conversa de ontem (que não foi na minha frente, é uma pena!) que até me custou a adormecer! Só vos digo que, se me cruzo com este espécimen me vai saltar a tampa!!! Ando morta por lhe dizer umas coisas! O mal de certas pessoas é terem demasiado tempo livre e obviamente, é o caso desse senhor!
Deixei eu, o lugar pequeno onde vivi até aos 26 anos, onde toda a gente sabe da vida do vizinho, para vir viver para uma cidade, capital de distrito, para encontrar gente abelhuda e opinativa na vida alheia, precisamente no andar de cima!?! Se não é pontaria, não sei o que será! Não posso com isto!

Apatece-me perguntar se ele faria a experiência de usar a coleira nele, antes de eu a usar na nossa cadela ou se também considera que deveria colocar uma coleira electrificada na minha filha, quando começar a caminhar, para não cair na vala de água, evitando deste modo que aconteça uma desgraça!
Que raiva!

Os meus dias têm passado assim, entre o repouso, o ponto de cruz, a Ullie e estes aborrecimentos! Precisava mesmo disto agora, não era?

Beijinhos grandes
Lita
P.S. Querida mjm,
O mundo é mesmo pequenino! Espero que os meus trabalhinhos tenham feito jus ao seu trabalho tão bem executado e publicado na "Linhas & Pontos". É uma revista que, compro, de vez em quando. Este n.º tem esquemas bastante interessantes. Deduzo que, os seus esquemas sejam os dos animaizinhos que bordei na régua! Certo? A lagartinha está demais!
Teria respondido no seu blog, se tivesse deixado o link. Não me quer dar a morada do blog ou do site? De qualquer forma, é sempre benvinda a este espaço!
Um beijinho grande e tudo de bom.

6 comentários:

mjm disse...

Olá,

Espero que não se importe por passar a acompanhá-la, já tinha deixado comentário no post anterior.

De facto há vizinhos que são uma perfeita "aberração"!!! Até devia ficar contente por ver de cima tudo bonito e arranjadinho...é lamentável.
Eu também moro por cima de um R/C com pátio e fico muito contente por as pessoas tratarem bem das coisas o que nem sempre acontece, mas tenho vizinhos que até têm coragem de sacudir,fumar, deitar cigarros, etc, para cima desses pátios tudo, mas tudo mesmo, é incrivel como as pessoas são ignorantes e mal formadas.

Realmente essa pessoa precisava de ouvir certas coisas, porque não foi queixar-se ao condominio?, porque se calhar ainda se riam dele, como deve achar que voçês são boas pessoas, chateia!!!

Peço desculpa, mas irrita-me profundamente as pessoas que são mal resolvidas na vida estarem a atrapalhar a vida dos outros.

Mas agora não se deve aborrecer, tem que pensar em si e na gravidez e que tudo corra o melhor possivel.

Se gostar de algum trabalhinho meu de p.cruz no meu site posso enviar o esquema por mail, para se distrair a fazer coisas lindas e não dê importância a quem não merece.

Um beijinho muito grande,

Caramelo disse...

ó amiga...essa do vizinho, saltou-me a tampa...e sabes tu melhor do que ninguem que eu aturar vizinhos....
O homem nao tem realmente nada que fazer, e essa da coleira na cadela...ai...k raiva, sabes bem como sou com estas coisas de animais. o gajo que arranje o k fazer, se queria um jardim p ele, comprasse ele o R/C, Faz o que tens a fazer, nao stresses e desculpa o termo "caga" p ele. Haja paciencia...
Fiquei mesmo pocessa e se precisares eu vou aí ajudar a dizer umas coisas a esse tipinho.
Bjocas e tudo de bom p as meninas;)

mjm disse...

Oh!!!Peço imensa desculpa!!!

Saí sem deixar o nome do meu blog e do meu site....a minha cabeça!!!

Ambos estão no inicio e o site em breve vai ser todo diferente pois faltam centenas de fotos de trabalhos e faltam muitos dos que sairam na revista, mas quando tiver o site prontinho aviso. Desde já terei muito gosto na tua(posso tratar-te assim?) visitinha.

Blog:
umsoprodeesperanca.blogs.sapo.pt/

site:www.fofurasdabaixinha.no.sapo.pt

Um enorne beijinho

Nykita disse...

olá, essa do vizinho bem dá mesmo para enervar eu tb fui viver para um apartamento e confesso k me enervava demasiado com os vizinhos e entãoresolvemos vender e comprar terreno fora da cidade e fezemos a nossa casinha e relamente não troco é verdade que nem todos podem tomar esta opção mas acho k não conseguiamos viver sempre sobre as regras de todos os outros condónimos. infelizmente há pessoas que não tem mais nada que fazer do k estar a preciar a vida dos vizinhos e eu qd fui viver ara a cidade a pensar que era diferente das aldeias e enganei-me redondamente.

big beijinhos e não stress mto lembra-te da tu aestrelinha.

CS disse...

Querida, que o fim da tua gravidez seja descansadinho e feliz e com algum descanso.

Vizinhos e incomodados havemos de ter sempre!

Beijinhos

Anónimo disse...

http://achatcialisgenerique.lo.gs/ cialis generique
http://commandercialisfer.lo.gs/ commander cialis
http://prezzocialisgenericoit.net/ cialis prezzo
http://preciocialisgenericoespana.net/ cialis